Vingadores.br

Posted by | novembro 11, 2016 | Midia | No Comments

Vingadores.br

Brasileiros com superpoderes como os heróis do filme norte-americano protagonizam ‘Super-Humanos’, programa que estreia hoje no History Chanel

 Rio –  Eles voam, atingem alta velocidade, entortam barra de ferro, levantam peso com a boca e saltam de grandes alturas. Pode parecer façanha dos heróis do filme ‘Os Vingadores’, sucesso de bilheteria no País com mais de R$ 12 milhões arrecadados em três semanas, mas não é. Os superpoderes são de 11 de brasileiros que protagonizam a série ‘Super-Humanos: América Latina’, que estreia hoje, às 22h, no History Channel.

Ao longo de oito episódios, o programa, que nos Estados Unidos é apresentado pelo cartunista Stan Lee — criador de Batman, Mulher Maravilha e Homem-Aranha, entre outros —, vai mostrar habilidades extraordinárias de pessoas como o paraquedista Luigi Cani, 41 anos, o Super Velocidade, que realiza saltos em queda livre, atingindo grandes velocidades. Ele possui o recorde mundial, caindo a 522 km/h. Na série, alcançou 410 km/h, pulando de oito mil pés de altura.

“Sempre tive medo de altura, mas me sentia atraído por isso. Sonhava que era o Super-Homem. Quando comecei a saltar, queria fazer algo diferente”, conta Cani, que se identifica com Batman mas ainda sonha voar com a velocidade supersônica do Homem de Ferro. “Se eu não estiver superando algum limite, não fico satisfeito. Por isso, estou sempre criando um novo desafio”, completa.

Aos 38 anos, Ricardo Nort é uma espécie de Hulk tupiniquim. Sete vezes campeão mundial de levantamento de peso e dono de academia, ele puxou dois caminhões, um em cima do outro, com cerca de 20 toneladas. Mas seu recorde foi arrastar um avião 727 de 57 toneladas. “Para ter essa força é preciso nascer com genética favorável. Depois, tem que treinar o físico e a mente para suportar a dor”, diz Ricardo.

O poder do policial militar Delson Peixoto, 31 anos, está na boca. Apelidado de ‘Dentes de Aço’ e ‘Mandíbula’, ele é capaz de levantar um peso de 117 kg com a força de seu maxilar. De acordo com testes realizados num laboratório em São Paulo, a mordida de Delson numa placa de chumbo atingiu 1.800 kg. “Colocava o meu pitbul para puxar a ponta da corda e eu puxava do outro lado com os dentes. Foi assim que descobri minha habilidade. Treino há sete anos, mas acho que existe uma predisposição genética”, aposta Delson, que também arrastou um caminhão com a boca. “Pela força bruta, acho que me pareço com o Hulk”, admite.

Pedro Thomas, 20, pratica uma atividade ainda recente no País, o parkour, no qual o desportista salta de um lado para outro utilizando apenas a força das pernas. Quando começou, há seis anos, pesava 10 kg a mais que os 62 kg atuais. Na série, saltou de um telhado para outro a uma distância de mais de quatro metros. “Sou autodidata, desenvolvi minha própria técnica, mas nunca sofri um acidente grave nem quebrei nada”, garante ele, que se acha um Homem-Aranha, mas bem poderia ser o Capitão América.

Matéria no Jornal “O Dia”Superhumanos

About Luis Mello

Para praticar o boxe... ...Seja firme em sua meta, mantenha-se forte e saudavel, e defenda seu país; Seja correto em sua conduta, pratique humildade e cautela, treine o corpo e a mente; Seja firme em sua força de vontade, faça o bem e evite o mal.